XD Classificados Facebook Twitter

Notícias

imagem

Hotel Fazenda Sonho Meu

Imagine um lugar onde pode andar
de pé no chão.

imagem

Texturacor Xerém

Um novo conceito.

imagem

Casa De Carnes Da Ponte

A melhor carne.

imagem

Mercado Modesto Mantiquira


Preço, qualidade e bom atendimento.


Notícias

foto

Eduardo Moreira (Pt), Catiti (Ptn), Valdecy (Pp) E Claudio Thomaz (Podemos) Na C

Foto: Agência O Globo

Vereadores entram na Justiça contra empréstimo de R$ 100 milhões a prefeito de Caxias


O projeto de lei que autoriza o Executivo a contratar empréstimo de até R$ 100 milhões — aprovado anteontem na Câmara de Vereadores de Duque de Caxias, Baixada Fluminense — parou na Justiça. Os parlamentares Claudio Thomaz (Podemos) e Marcos Tavares (PSDC) entraram com uma ação popular contra o Município e o prefeito Washington Reis para anulação de ato administrativo.

— Tentamos entrar antes de o projeto ser votado, mas não conseguimos — explicou Claudio Thomaz.

O vereador Valdecy (PP) criticou a falta de diálogo do prefeito com os colegas:

— Ele convocou uma reunião na prefeitura para falar do projeto. Disse que o valor seria pago em 96 vezes, teria um ano de carência e juros de 7% ao ano. Mas nada disso estava na mensagem, por escrito.

Os vereadores chegaram a pedir uma audiência pública na Casa para discutir o projeto com a sociedade civil, mas o pedido foi negado.

O deputado estadual Dica (PR) disse que foi votada na Alerj resolução que consta na justificativa Duque de Caxias para ser beneficiada com pedido de calamidade financeira:

— Para pleitear calamidade, o Município tem que apresentar requisitos à Alerj. Não pode contratar empréstimos se estiver em estado de calamidade.

Empréstimo previsto no PPA

A Prefeitura de Duque de Caxias esclarece que o município ainda é muito carente, especialmente por ter ficado “abandonado de 2009 a 2016’’. Informou que, caso seja aprovado pela Caixa Econômica Federal e pelo Ministério do Meio Ambiente, o empréstimo será feito com uma taxa de juros de 7,87% ao ano, que o prazo total da operação é de 108 meses, e que o empréstimo já estava previsto no planejamento orçamentário do Plano Plurianual (PPA) e Lei Orçamentária Anual (LOA). O empréstimo, segundo a prefeitura, será utilizado para investir na infraestrutura urbana, combates às enchentes e em um grande projeto de Segurança Pública.

Quanto à votação dos vereadores, a prefeitura afirmou que os mesmos “votaram de forma republicana e com espírito público pensando nos interesses da cidade’’

Fonte: Cintia Cruz / Extra Online

17 de Março de 2018

09:50:15

compartilhe

Contador: 000564

imagem

Personal Academy

Personal Academy.

imagem

Xerém Eletromóveis

A entrega.

imagem

Hotel Fazenda Sonho Meu

Imagine um lugar onde pode andar
de pé no chão.

imagem

Delícias Do Norte

Música ao vivo com:
Ambiente totalmente familiar.